Somos a unica Federação de Professores independente - Somos a unica Federação de Professores independente - Somos a unica Federação de Professores independente - Somos a unica Federação de Professores independente - Somos a unica Federação de Professores independente - Somos a unica Federação de Professores independente

Início > Foco > A Pró-Ordem Fixa Prazo ao Ministro para Marcação de Reunião
25 DE FEVEREIRO DE 2013

A Pró-Ordem Fixa Prazo ao Ministro para Marcação de Reunião

Porque o MEC recusa receber a Direção Nacional da PRÓ-ORDEM: A Pró-Ordem Fixa Prazo ao Ministro para Marcação de Reunião e promete uma ação surpresa à porta do Ministério

Como é sabido, o Ministério da Educação e Ciência, através do Secretário de Estado do Ensino e da Administração Escolar, prepara-se para receber amanhã a Fenprof e a FNE. A este propósito, a Pró-Ordem não pode deixar de vir a público revelar os seguintes factos:

 

1º) Desde o dia 11 de Dezembro de 2012 que a Pró-Ordem oficiou ao Senhor Ministro da Educação e Ciência, solicitando-lhe uma reunião urgente, com a própria pessoa do Prof. Nuno Crato, para tratarmos da sobrecarga horária das tarefas letivas e não letivas dos docentes e de outros assuntos que por dependerem de decisão política, ultrapassam as competências de um secretário de Estado.

 

2º) Posteriormente, confirmámos junto dos serviços do respetivo Gabinete a receção daquele pedido.

 

3º) Entrámos no novo ano de 2013 sem que o MEC se dignasse dar qualquer tipo de resposta (sequer, ao menos, o cumprimento da protocolar boa educação de acusar os e-mails, fax, cartas, entretanto enviados…). Pelo que

 

4º) Durante os meses de janeiro e fevereiro, por diversas vezes, contactámos o Secretariado pessoal do Senhor Ministro, insistindo na necessidade de ser agendada aquela reunião entre a Direção Nacional da Pró-Ordem e o próprio Ministro. Debalde …

 

5º) Na passada semana, o Presidente da Pró-Ordem conseguiu, finalmente, chegar à fala, telefonicamente, com o Chefe de Gabinete do Ministro. Foi uma conversa simpática no plano pessoal, mas não passou disso, pois do ponto de vista institucional a reunião continua por agendar. Termos em que

 

6º) Somos levados a colocar a seguinte questão:

- Será que para conseguirmos uma simples reunião de trabalho com o atual Ministro, teremos de fazer previamente uma concentração de dirigentes sindicais à porta do Ministério?

 

7º) Se assim é, fica, desde já o aviso: caso a data para a referida reunião – com o próprio Senhor Ministro – não seja marcada até ao final desta semana, promoveremos uma ação à porta do Ministério.

 

 

Lisboa, 25 de Fevereiro de 2013

 

Pela Direção Nacional

 

O Presidente

 

Filipe do Paulo

 

 

P.S. – A Pró-Ordem (Associação Sindical dos Professores Pró-Ordem) foi membro-fundador da Plataforma Sindical dos Professores que, durante o “consulado Sócrates/Lurdes Rodrigues”, co-organizou e co-financiou as maiores manifestações de professores, de sempre.

Outros Tópicos: